Edital de Convocação – 26/10/2017 – Asseio e Conservação

Pelo presente edital de Convocação, a Presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação e Trabalhadores na Limpeza Urbana e Áreas Verdes de Piracicaba e Região, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, convoca os integrantes da categoria profissional dos empregados em empresas de asseio e conservação, associados ou não, da base territorial deste sindicato, para Assembleia Geral Ordinária a realizar-se em primeira convocação no dia 30 de outubro de 2017 nos seguintes horários e endereços:

às 09:00 horas na Avenida 08, nº 87, Salão Superior, Centro, RIO CLARO/SP;

às 16:00 horas na Avenida Brasil, 382, Vila Medon, AMERICANA/SP e;

às 17:00 horas na Rua Jose Pinto de Almeida, nº 773, Centro, PIRACICABA/SP;

no dia 31 de Outubro de 2017 nos seguintes horários e endereços:

às 09:00 horas na Rua Silvino de Godoy nº 141, 1º andar, sala 14, Jardim Itapoan, PAULINIA/SP;

às 12:00 horas na Avenida Padre Roque, 266, Sala 2, Centro, MOGI MIRIM/SP e;

às 15:00 horas na Rua Dr. Trajano B. Camargo, 445, sala 08, Centro, LIMEIRA/SP,

todos em primeira convocação e em segunda convocação uma hora depois com qualquer número de presentes, para tratar da seguinte ordem do dia:

a) Leitura e aprovação da ata anterior;

b) Discussão e votação do rol de reivindicações a ser encaminhada as Entidades Patronais, SEAC/SP – Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação no Estado de São Paulo, e/ ou Empresas Empregadoras, cuja data base é 1º de janeiro, com vistas às negociações coletivas referente ao ano de 2018;

c) Conceder poderes para diretoria firmar Convenção Coletiva, Acordo Coletivo, Termos Aditivos, se necessários, com o sindicato patronal ou empresas empregadoras;

d) Autorização para diretoria requerer mediação, arbitragem e instaurar processo de dissidio coletivo perante a Justiça do Trabalho, Ministério Público do Trabalho e/ou Órgão competente;

e) Delegação de poderes à Federação dos Trabalhadores em Serviços, Asseio e Conservação Ambiental, Urbana e áreas Verdes no Estado de São Paulo, para conduzir o processo negocial, bem como instaurar dissídio coletivo caso malogrem as negociações e defende-la em dissidio proposto em face dos mesmos junto ao Egrégio Tribunal Regional do Trabalho, caso necessário;

f) Decretação de Estado de Greve;

g) Discussão, deliberação e aprovação do percentual e forma de recolhimento da contribuição assistencial/negocial, de acordo com o artigo 513-e da CLT a ser descontada de todos os empregados da categoria profissional, bem como, sobre o direito de oposição dos empregados não associados a entidade sindical;

h) Deliberar sobre à assembleia permanente até o final da campanha salarial 2018;

i) Assuntos Gerais.

Piracicaba, 26 de Outubro de 2017.

 

Renata de Cássia de Aguiar Souza – Presidente.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis + dois =

Whatsapp
Skip to content